Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 11, 2011

Do amor ao amar

Amar é não deixar na vida de outra pessoa a responsabilidade de nos fazer felizes, é não se perder no gostar do outro tentando nos encontrar em uma vida que não é a nossa. O amor adoece quando se ama mais um coração alheio que ao seu próprio. Não se pode amar para além de si sem adoecer quem não tem por si mesmo respeito. Só pode amar alguém quem se respeita com ser de amor. Amar outra pessoa é antes de tudo uma prova de amor a si mesmo, não se pode amar sozinho, amor é parceria voluntária, amor que aprisiona é caminho certo para solidão, brigas e angústias. Amor é sentimento voluntário, quem ama ,ama porque quer, ninguém é refém do amor de ninguém. Se deixar amar também é um ato voluntário, ninguém é refém do amar de pessoa alguma. Amor não causa dor, tudo que rima com dor não pode trazer felicidade. Ser feliz na parceria de dois corações é saber negociar liberdades, respeitar a fronteira do que é individual e do que só tem razão a dois. Amor á construção nunca acabada, amor é o que sempr…