Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 4, 2012

Revela

O que os olhos não se revela o coração guarda, todo resto é embotado pelo tempo e as ausências que ele sempre traz. Seria simples: o amor vencendo a paixão do capital, a alegria ser o tempo exato das nossas realizações humanas, a vida não ser vencida pela vaidade desmentida em que acessórios como bens materiais, conta bancária, posição social é carta aberta para valorização ou negação de qualquer pessoa, seria simples: seriamos tão somente pessoas. Ser pessoa: nada mais simples, nada é tão ausente, nada é tão essencial. Que a dor de nos perdermos ao acaso das nossas conquistas vãs não nos traga a sensação de que deixamos o “ser” pessoa e nos fizemos coisas. Ediney Santana http://edineysantana2.blogspot.com ediney-santana@bol.com.br http://edineysantana.zip.net