Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril 29, 2013

“Meu Deus , mas que cidade linda!”*

Cresci ouvindo meu pai contar a história de amigos seus que foram para Brasília quando a cidade ainda nascia da convicção de Juscelino Kubitschek de criar no meio do Planalto Central uma nova capital, longe do mar (ao contrário das outras duas Salvador e Rio de Janeiro), distante das capitais, uma cidade repartição pública, burocrata e impessoal como o poder requer para se fazer poder. Kubitschek não construiu um país, sem querer construiu uma cidade que é o país, pelas ruas de Brasília podemos ouvir todos os sotaques e encontrar pessoas de todo país, a cidade que nasceu para ser o exílio do poder foi retomada por quem a fez de verdade: o povo. Mesmo com as divisões geográficas xenofóbicos das " cidades satélites", que nunca foram cidades e sim bairros de Brasília.   Fui a Brasília a convite da Renata , que entre seus mil e mil afazeres encontrou tempo para ciceronear esse camarada acostumado a outro exílio diferente do idealizado por JK, o exílio do coração. A Renata me mo…