Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio 31, 2013

Junho e seus licores

Meu mundo é o mundo do norte, vivo do lado de cima do país, bem verdade às vezes parece o mundo de baixo, porque tudo aqui parece de cabeça para baixo, o mundo de cima é norte, muita gente marcha para o sul como aves em busca de pouso, eu fiquei, vou ficando. O norte às vezes é bonito como o sul que às vezes parece parte de nós e é tão distante, se Deus é bonito os pássaros que passam todos os dias às seis da tarde pelo meu quintal também são, eu posso vê-los, ouvi-los, todo pássaro é meio solitário, todo pássaro busca seu ninho, com esses poetas antigos que escrevem poemas entre o desespero do dia e a paz da noite. Quando criança meu pai me levava para Barra em Mundo Novo, íamos à casa da minha bisavó lá tinha pés de manga que meu pai um dia plantou, era bom chupar mangas tiradas no pé, se fechar os olhos lembro-me daqueles dias felizes com nitidez, então aqui no norte temos dias felizes também, mesmo que sejam apenas lembranças, brincadeira, aqui também temos tempo presente de feli…