Postagens

Mostrando postagens de Agosto 21, 2013

Licença Poética

Imagem
A minha licença poética me permitir ser quem eu quiser, mas nunca ficar parecido com quem ou quê mais odeio. Gente presunçosa que ama pela metade e faz pacto com o diabo para ser aceito no castelo de Deus. Desses “inocentes” e defensores profissionais da vida quero distância, são como o diabo que tocou Jó com autorização divina, criminosos do espírito, abutres da carne... Cuidado minha gente, não é só do lado do mal que o diabo tem seus filhos. Uma canção da Legião Urbana nos diz: “E tudo aquilo contra o que sempre lutam
É exatamente tudo aquilo o que eles são”. E a velha fome de vida me devora, quero ser a utopia possível, mas sem pacto com o mal. Milton Santos disse parafraseando um velho dito popular: “dize-me onde estás e eu te direi quem és” e finalizou “o lugar onde estou ajudar me definir”. O meu lugar me define, vivo no nordeste, mais que isso, sou do nordeste. Ser nordestino é ser visto e olhado muitas vezes como alguém periférico, alma periférica. Algumas pessoas nos olham com…