Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro 23, 2013

“La vem seu Juca”

Quando eu era criança minha mãe sempre cantava uma canção de ninar que tinha esses singelos versos: “Lá vem seu Juca/ da perna torta/ dançando a valsa com a Maricota/ Eu bem sabia que seu Juca/ da perna torta/ só queria dançar a valsa/ com a Maricota”. Seu Juca com sua perninha torta só queria da vida dançar uma valsa com a Maricota, para simples versos profunda razões, porque se pensar bem durante anos e em vários momentos se é seu Juca com a perna torta só querendo coisas tão simples quanto dançar uma valsa, coisas simples não são fáceis de conseguir, e as circunstâncias por vezes sempre nos impõe uma perna torta, ou seja, barreiras. Meu pai adorava a canção “Casinha Branca” do Gilson, aquela que diz: “Tenho andado tão sozinho ultimamente/ que nem vejo a minha frente nada que me dê prazer/ sinto cada vez mais longe a felicidade/ vendo em minha mocidade tanto sonhos perecer/ Eu queria ter na vida simplesmente um lugar de mato verde pra plantar e pra colher/ ter uma casinha de varand…