Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro 4, 2014

Faith no more

Minha incapacidade de ter uma religião não só é uma questão de ter fé ou não, nada objetivamente tenho contra a ideia de Deus, penso o quanto é sempre interessante entender que em algum lugar há alguém com poder suficiente para nos colocar no devido lugar da nossa insignificância entre os seres dessa natureza tão generosa, no entanto a própria natureza já nos colocou neste lugar: nós morremos e nada que façamos, seja qual for o seu deus ou sua crença pode mudar isso. O medo da morte definitiva nos fez criar uma cadeia de crenças, cada uma mais vaidosa e arrogante que a outra, por isso a única religião possível para mim é a que não ofereça salvação alguma, a que traga paz de espírito e contentamento pela vida e não prometa me ressuscitar do silêncio eterno. Minha incapacidade e má vontade com religiões vêm da observação dos caminhos que religiosos tomam, às vezes me assusto com o teor de ódio destilado em nome de “deus”, o amor que deveria ser a primeira vocação para os santos de plan…